Páginas

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

.Sempre 'apesar de'.

[imagem: deviantart]

"E exigimos o eterno do perecível, loucos".
[Caio Fernando Abreu]
.
.
.
Mesmo no meio dessa correria toda, Isa minha amiga linda, venho aqui pra te dizer do quanto que a vida tem me ensinado a não exigir das coisas perecíveis o eterno. O 'para sempre' pode ser pesado demais. Pesado para mim que, no caso, espero/jogo sobre as coisas as maiores expectativas. Como essas que você jogou sobre um amor que, pereceu. Pesado para o outro que deve ter suas próprias razões. Todos temos as nossas, próprias.

Amores perecem. E, nem os melhores estão livres disso. É o tempo que engole tudo. Grande rio de águas que jamais se repetem. E, é porque eu sei que outros virão (e irão) que eu te digo para ser feliz novamente, com você, seu coração, com a paisagem da Galícia, com, inclusive, esse amor que pereceu depois de tanta dedicação. Porque ele deve ter cumprindo seu papel de "amor" em algum momento e, isso para mim é muito válido. O que não vale são as culpas (sem culpas, por favor), ninguém tem culpa de nada! As coisas acontecem, as pessoas aparecem, desaparecem, mudam de idéia o tempo todo.

Entendo seu momento de dor. Eu entendo. Seria hipócrita se te dissesse que vai passar logo a mágoa. Não passa logo não... eu sei. Mas como amiga que te amo devo te alertar para que você não se transforme em pura mágoa. Não valeria a pena manchar esse teu coração bom. Caminha pra frente Isa. Dor todo mundo sente e, o Gil canta que ela (a dor) é "o grande poder transformador". Potencializa esse momento e se transforma para melhor, mais madura, mais consciênte de que os "compromissos" sentimentais são de nossa inteira responsabilidade.

Fico aqui vibrando pensamentos de amor e paz pra ti. Mentalizando dias melhores por aí, um amor novinho em folha pra te fazer feliz (muito). Para ser eterno mesmo que pereça. Porque a eternidade é sempre por um triz e, pode ser que passe há mil por hora. Te desejo coragem e fé. Fé nas pessoas. Coragem para ser quem você é.

Isso que te escrevo, serve para mim também. Porque gostar da palavra "sempre" como gosto, por vezes pago preços altos... Você sabe do que falo 'beibe'. Então, valoriza o eterno das coisas perecíveis. Valorizemos.

Ando trabalhando aos montes. O festival se aproxima e tá lindo Isa! Te mando fotos na seqüência. Com mil saudades, vou ficando por aqui (breve assim). Muitas saudades das conversas! Em um mundo de coisas perecíveis sempre se pode "degustar" pequenas mostras de eternidade, lembra que o Guimarães Rosa escreveu que "amizade dada é amor". E, com esse meu amor que é seu também te mando abraço.

Isa, eu sempre fico pensando que tudo (tudo) pode ser muito simples... encontrar a simplicidade das coisas, das pessoas, principalmente dos sentimentos é uma coisa muito fina. Enfim, eu sempre fico pensando muito né? (rss)

Fica bem e, se cuida muito. Sorte!
Sinto sua falta,
Li.

9 comentários:

Anônimo disse...

minha amiga (com lágrimas nos olhos) te leio sempre e fico agradecendo ter vc na minha vida. adoro tudo o que vc fala, escreve e é. te admiro demais: tua história de vida, força, brilho nos olhos. esse teu blog mostra bem o ser incrível que és.

amiga eu sinto muito a sua falta. cada carta-post me emociona ainda mais. sinto o teu carinho, teu afeto, teu amor que toca a todos que estão próximos.

vc é minha amiga linda, linda linda! suas palavras me alegram e me fazem refletir.

poderia rasgar todas as sedas aqui pra ti, e ainda te deveria algum adjetivo. sendo assim eu deixo o meu silêncio, vibrando energias lindas de amor e bem pra você, que merece muito.

silêncio aprendi com vc.
um abraço de saudade minha flor.

Isa.

Dani disse...

somos todos ainda crianças aprendendo a vida e o amor, com esses nossos sonhos lindos e loucos.

e sempre, "apesar de". :)

linda frase do Guimarães, Li.

beijos

Isa disse...

Entro nessa soma de pensamentos positivos, torcendo que a alegria volte logo: inteira, intensa e renovada!

Li, seu texto ficou lindo, emocionado e nesses momentos dá uma vontade de ter os amigos por perto, só para que eles saibam quanto são importantes...
Quando acabei de ler, deu vontade de escrever para eles.

Bom estar aqui mais uma vez!

:)

Beijos.

Aline Lima disse...

Isa: minha cara, abraço silencioso e carinhoso de amizade. se cuida muito aí.

Dani: de fato, somos todos crianças (ainda), ávidas por sonhos lindos que se tornem reais.

Isa:somar pensamentos positivos é coisa linda para o mundo todo! é muito importante que as pessoas saibam do amor que sentimos por elas (acredito nisso). ah! escreve sim para todos os teus amigos!!! as palavras podem salvar, tornar feliz algum coração. né? volte sempre!

beijo pra quem é de beijo.
abraço pra quem é de abraço.

.li.

bel. disse...

tu sabe que eu li chorando e sabe o porquê. um beijo, aline. tô com saudade de ti nos meus dias.

glória disse...

gosto de passar por aqui. guimarães rosa sabe; amizade dada é amor. principalmente quando cuida do silêncio,bj.

*Gabi* disse...

"Que não seja imortal, posto que é chama, ams que seja infinito enquanto dure..."

Seu texto exala energia positiva, força e coragem pra seguir adiante! E só Deus sabe o quanto eu preciso seguir adiante...

Bjos floridos!!!

Anônimo disse...

meu amor... "minha flor, minha menina". saudades das tuas delicadezas. rafa(el) :***

Aline Lima disse...

belbessa: gente fina, elegante e sincera demáááás!

glória: guimarães é lindo. preferido e eterno na minha vida (de palavras).

gabi: positividades sempre!

raphinha(minha neblina): "tua flor, tua menina, teu amor" sente muito a tua falta. pensamentos de que td dê muito certo pra ti aí no "velho mundo". sorte!

gosto muito de vocês!
beijo-os!!!