Páginas

quarta-feira, 11 de março de 2009

E, tenho dito!

Queimar pessoas vivas sob alegações ridículas.
Torturas sem fim de toda espécie.
Vendas de terras no céu.
Queima de livros e bibliotecas inteiras.
E, entre tantas outras, abuso sexual à crianças e adolescentes. 

É óbvio que a igreja católica iria ser contra o caso da criança que há 3 anos vinha sendo violentada pelo padrasto em Pernambuco (vide jornais). Não é por que o fato tomou proporções internacionais, gerando discussões entre cientistas sociais, "doutores" da lei, meios de comunicação ou estudiosos de toda espécie. É que a atitude da igreja católica me chocou, embora não devesse, um tanto!

Excomungar uma equipe médica que cumpriu a Lei do país, expôr ainda mais essa criança e sua família (já tão machucadas), e ainda por cima de tudo, se manter na posição machista que sempre ocupou, foi demais para mim. Não me sinto revoltada. Mas também não posso me distanciar dos atos que a "santa" igreja comete... Como acho um absurdo os elevados índices de pedofilia que seus "pastores"  ajudam (e muito) a aumentar os números, em diversas partes do mundo, a cada minuto. Vamos nos colocar, discutir, pensar juntos! Aquela instituição não é mais a lei e, graças à Deus e por enquanto, não poderá mais nos mandar  pra fogueira ou para algum de seus métodos "sofisticados" de tortura (tão usado no passado negro que construiu para si).

Isso prova o quão distante das máximas do Cristo está aquela instituição cercada de luxos por todos os lados, pensando possuir todas as verdades do universo.

"Santa Madre igreja": há tempos você anda ruim das pernas!
É a colheita por tantos equívocos. As pessoas se entorpecem com suas palavras mas, no fundo, não são de todo burras.

E, a propósito (também) solicito:
Me EXCOMUNGUEM !
Porque meu templo é o meu coração.
E a divindade pode ser encontrada, de forma mais bonita e real, em lugares menos hipócritas onde sangue, vergonha, vida e valores morais não escorrem silenciosamente sob longas roupas brancas e cálices de ouro. 

3 comentários:

Fulvio Ribeiro disse...

Exatamente isto,"A Divindade pode ser encontrada de formas muito mais simples".
É lamentavel que poucos gostem das coisas Simples.
me expressei da mesma forma que você com relação a esse fato...!!!
Abraços.

Aline Lima disse...

Fulvio! abraços!!!

Clara Sousa disse...

Aline..concordo com o post...a igreja se perdeu dos seus reais proprósitos, que não tem nada com leis e bens materiais ou mandar e desmandar na vida das pessoas como se fosse o próprio Deus...(é isso)
beijos linda !!!